A importância da Psicologia para o profissional da Educação Física em sua atuação profissional

Elda Rafaela Moreira dos Santos
27/08/2020

Atuo em áreas que abrangem públicos diferenciados. Dou aula para idosos, crianças, jovens e adultos em diversas modalidades, como o alongamento, a natação e a musculação. Em todas me deparo com situações onde os alunos precisam falar ou até mesmo desabafar, de adultos a  crianças. De uma certa forma eles buscam uma atenção que no seu dia a dia não tem, ou podemos dizer que buscam um “ouvido” para os escutar. Os idosos sempre tem algo para nos contar, por sentirem falta de ter com quem conversar, devido a vida corrida de seus filhos e netos. As crianças sempre tem uma novidade, uma descoberta para contar ou algo para mostrar e, como o contato é próximo, eles veem em nós, professores, alguém que possam expressar tudo isto, pois em muitos momentos os pais não possuem tempo ou paciência para ouvir e prestar atenção.


Com os jovens adultos é a mesma coisa, ocorrem diversos acontecimentos que nem sempre eles se sentem a vontade de falar em casa, sendo assim é na academia que muitos vão para se desestressar e acabam vendo em nós, professores, uma certa confiança para falar o que os incomoda e também os alegra. É fato que, seja qual for o público, sempre vai haver um aluno que vê em você uma pessoa com quem ele possa contar e falar, alguém que vai ouvi-lo. Isso acaba sendo muito comum em minha área, além do meu trabalho, preciso também escutar meu público. Sobre isso eu tenho muita facilidade em ouvir, pois acredito ser importante ter este vínculo de confiança entre aluno e professor, vejo isto como algo que posso incluir tranquilamente e não me atrapalha. Gosto de estar com eles. Porém é muito difícil conseguir manter o aluno motivado, pois as conversas geralmente são sobre a vida deles, infelizmente nem sempre estão nos melhores momentos ou motivados constantemente. 


Com as crianças é preciso sempre estimular para vencer o medo e mostrar para eles que são corajosos. Alguns deles são muito descrentes em relação a si mesmo, isso ocorre desde pequenos. Em relação aos idosos, essas são pessoas frequentemente carentes de atenção, devido a falta de sociabilidade com os familiares. Uma questão a respeito deles que me deixa preocupada é o excesso de remédios que os deixam muitas vezes sonolentos, irritados e sem vontade de estar na academia, dando voz ao pensamento de que estão lá (na academia) somente por recomendação médica. 


Já com os adultos são os mais diversos problemas, como trabalho, relacionamentos, saúde, as  mulheres com TPM... Sem dúvidas a minha maior dificuldade é mostrar para eles que tudo leva um tempo, seja para o aprendizado e/ou para os resultados.


Ter a Psicologia como base é de extrema importância, ter um conhecimento sobre essa área faz com que nós, profissionais, tenhamos a capacidade de compreender e lidar com alguns destes pontos citados. Eu busco há muito tempo por conta própria uma melhor forma de atender meus alunos e saber identificar quando os mesmos não estão bem e querem apenas falar ou até mesmo saber como lidar com as oscilações de humor, e mantê-los motivados, mas faço isso através de pesquisas em sites confiáveis, diálogos com colegas da área da Psicologia e também com a minha psicóloga.


Vejo quão importante é para o professor conhecer essa área e lidar com estas situações de uma melhor forma, saber o momento para pressionar, com o intuito de gerar motivação e o momento que se deve parar e pensar, procurar e ver o que está acontecendo com o seu aluno ou atleta que está rendendo um pouco menos do que deveria. Creio que também há uma necessidade do profissional saber separar todos estes pontos e manter o profissionalismo sem deixar de ter uma amizade com seu aluno, mas evitar entrar em questões pessoais e levar estes problemas externos para sua vida ou até mesmo levar sua vida pessoal para o ambiente profissional.


Elda Rafaela Moreira dos Santos

Telefone : (41) 98485-6803

Instagram: https://www.instagram.com/rafamdso/


Elda Rafaela Moreira dos Santos

Educadora Física

Bacharel em Educação Física – Graduada na Universidade Positivo. Pós Graduação em Treinamento Desportivo e Personal Trainer (cursando ultimo modulo) Centro Universitário Unibrasil.

  • Professora na Academia Olímpica. Personal Trainer e Personal de Natação
  • Segundo Lugar na Categoria Sport Model – NABBA WFF – Campeonato Troféu Larissa Cunha.



Acesse também

CADASTRE-SE EM NOSSA NEWSLETTER

Quer receber conteúdos exclusivos e em primeira mão diretamente no seu e-mail?

Nós não enviamos spam

RÁDIO PSICCOM

OUVIR

2020 - PSICCOM. Desenvolvido por Cazoolo para inspirar novas conexões